Agressor do Louvre gritou "Allahu Akbar", diz polícia de Paris

Policiais franceses em frente Pirâmide do Louvre, em Paris.    03/02/2017       REUTERS/Christian Hartmann
(Reuters) - Um homem que atacou um soldado nesta sexta-feira no museu do Louvre, em Paris, gritou "Allahu Akbar", e a polícia acredita que ele queria realizar um ataque terrorista, disse o chefe da força policial da capital francesa, Michel Cadot.

"Estamos lidando com um ataque de um indivíduo que era claramente agressivo e representava uma ameaça direta, e cujos comentários nos levam a pensar que ele gostaria de ter realizado um incidente terrorista", disse Cadot a repórteres.

"Também havia um segundo indivíduo que estava com comportamento suspeito, e também foi detido, mas por ora não aparenta haver uma ligação entre este indivíduo e o ataque", acrescentou Cadot.

O chefe de polícia disse que o soldado que foi atacado sofreu ferimentos leves, e que outros soldados atiraram cinco vezes contra o agressor, ferindo-o.

Ele acrescentou que não foram encontrados explosivos na bolsa do agressor no Louvre.





---------------


Cursos sem mensalidades e 100% online a partir de R$ 29,90
Curso de Empreendedorismo
Curso de Redes Sociais
Curso de AutoCAD
Agressor do Louvre gritou "Allahu Akbar", diz polícia de Paris Agressor do Louvre gritou "Allahu Akbar", diz polícia de Paris Reviewed by William Nascimento on 11:43:00 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.