Mesmo com presença do Exército, Vitória tem comércio fechado e ruas vazias


A paralisação informal dos policiais militares do Espírito Santo chegou ao seu quinto dia nesta quarta-feira (8) –familiares dos agentes protestam desde sábado (4) em frente aos batalhões, supostamente impedindo a saída dos policiais.

Apesar da presença do Exército e da Força Nacional nas ruas desde terça (7), pelo terceiro dia consecutivo a maior parte dos lojistas de Vitória e da região metropolitana manteve as portas fechadas e os moradores têm evitado sair.

De acordo com o Sindicato do Policiais Civis do Estado, desde o início da paralisação foram registradas 87 mortes. No ano passado, segundo o governo capixaba, o Estado teve 1.181 homicídios dolosos, uma média de 3,22 homicídios por dia. Desde sábado, essa média passou para 9,66.

Entre 7h e 9h30, a reportagem do UOL cruzou com apenas uma equipe do Exército, que policiava a entrada do terminal de trem no município de Curiacica, na região metropolitana de Vitória.

Dono de duas lojas de acessórios para telefones em Vitória, Danilo Fonseca teve os dois estabelecimentos arrombados –um na madrugada de terça e outro nesta quarta-- e questiona o policiamento realizado pelas forças de segurança enviadas ao Estado.

Leia mais no UOL


---------------


Cursos sem mensalidades e 100% online a partir de R$ 29,90
Curso de Empreendedorismo
Curso de Redes Sociais
Curso de AutoCAD
Mesmo com presença do Exército, Vitória tem comércio fechado e ruas vazias Mesmo com presença do Exército, Vitória tem comércio fechado e ruas vazias Reviewed by Anderson Nascimento on 16:00:00 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.