Chefão da McLaren vê Honda anos atrás de rivais, mas minimiza falhas: "Ainda é cedo"


Os testes mostraram uma McLaren-Honda com problemas para lidar para a temporada. Eric Boulier, no entanto, tenta manter a calma. O diretor da equipe minimiza o fiasco do modelo MCL32 no Circuito da Catalunha, em Barcelona, na primeira sessão de testes da pré-temporada. Lá, Fernando Alonso, estrela do time, ficou na mão logo na primeira volta.

- Eu não estou tentando escapar da questão, mas ainda é cedo. Nós tínhamos grandes expectativas ao chegarmos em Barcelona, mas então a semana não começou exatamente como queríamos. Eu acho que temos um trabalho maior a fazer no Japão para investigar esses problemas. Problemas que não imaginávamos que teríamos – e com certeza a Honda também não – disse Boulier, em entrevista ao site oficial da Fórmula 1.

Para Boulier, a Honda, parceira dos melhores anos da escuderia, entre as décadas de 1980 e 1990, ainda está três anos atrás de seus principais rivais.

- Eles (Honda) ainda estão três anos atrás de outras equipes. Mercedes, Renault e Ferrari começaram (com seus novos motores) em 2010. E todas essas três equipes começaram com organizações já existentes, assim como todas as três já estavam montando motores de F1. Em 2013, a Honda decidiu voltar à Fórmula 1 e começou do zero: prédios vazios! Eles tiveram de comprar tudo e achar as pessoas certas. Então, para ser justo, você tem construtores que tiveram sete anos e ainda estão lidando com problemas. E a Honda começou quatro anos depois dos outros. Essas unidades são tão complicadas que você deve processar devagar e ir passo a passo. Infelizmente, não há atalhos.

Leia mais no GE


---------------


Cursos sem mensalidades e 100% online a partir de R$ 29,90
Curso de Empreendedorismo
Curso de Redes Sociais
Curso de Inglês
Chefão da McLaren vê Honda anos atrás de rivais, mas minimiza falhas: "Ainda é cedo" Chefão da McLaren vê Honda anos atrás de rivais, mas minimiza falhas: "Ainda é cedo" Reviewed by Anderson Nascimento on 21:30:00 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.