Os democratas questionam as intenções de Trump ao despedir a Comey


A destituição do diretor do FBI, James Comey, cujo protagonismo na política americana gerou polêmica nos últimos meses, surpreendeu Washington. A decisão foi anunciada pela Casa Branca na tarde desta terça-feira. Entre os democratas, a reação foi de ampla rejeição, pelo temor de que Donald Trump estaria tirando de campo a pessoa que investiga os possíveis laços de sua campanha com os russos. Entre os republicanos há opiniões divididas quanto à decisão. Estas são as reações iniciais mais importantes:

O congressista democrata Adam Schiff, que encabeça o Comitê de Inteligência da Câmara de Representantes – um dos grupos parlamentares que também investigam o possível conluio da equipe de Trump com os russos durante a campanha – afirmou que a demissão de Comey “gera graves dúvidas sobre se a Casa Branca estaria interferindo numa investigação criminal”.

Elizabeth Warren, proeminente e veterana senadora democrata, escreveu no Twitter que “já é hora de o Congresso parar de olhar para o outro lado. Donald Trump não pode escolher a próxima pessoa que prosseguirá com esta investigação crítica”. Warren, assim como outros legisladores, é partidária da nomeação de um promotor independente para investigar o presidente.

O líder da minoria democrata no Senado, Charles Schumer, afirmou em entrevista coletiva que Trump estava cometendo um “grave erro”. “A primeira pergunta é: por que agora? Por acaso as investigações sobre a Rússia estavam se aproximando demais do presidente?”, questionou o veterano senador.

Leia mais no MSN

---------------


Cursos sem mensalidades e 100% online a partir de R$ 29,90
Curso de Fotografia
Curso de Administração
Programa de Afiliados - ----
Os democratas questionam as intenções de Trump ao despedir a Comey Os democratas questionam as intenções de Trump ao despedir a Comey Reviewed by Anderson Nascimento on 16:30:00 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.