São Paulo encara a “cantera inesgotável” do Nacional na Libertadores sub-20

A tradição do São Paulo na base brasileira será confrontada com outra igualmente exaltada no Uruguai. O Tricolor Paulista enfrenta nesta quarta-feira, às 16h30 (de Brasília), no estádio Centenario, o Nacional, pela semifinal da Libertadores sub-20. Em seguida, River Plate (Uruguai) e Independiente del Valle fazem o outro jogo desta fasae.

O Nacional teve a melhor campanha da competição, com os mesmos sete pontos do São Paulo na fase de grupos, mas um saldo de 13 gols. Seu time é dos mais elogiados do torneio. Pudera: em Montevidéu, a base do clube é conhecida como a “cantera inesgotável”, tamanha a quantidade de bons jogadores revelados.

Um deles, aliás, verá a partida da arquibancada: Diego Lugano, ídolo do São Paulo e atual superintendente de relações institucionais, foi revelado no Nacional.

- Nacional e Defensor são os clubes que melhor e há mais tempo trabalham com as divisões de base no Uruguai. Pode-se fazer um paralelo com o São Paulo no Brasil, tirando a diferença de estrutura e investimento, que no São Paulo é muito maior. O Nacional tem uma essência, um modo de jogar. Trabalham na base com muitos ex-jogadores que se identificam com o clube. Não só passam informações técnicas, mas condutas, vivências que já tiveram vestindo a camisa do clube. Já de pequeno o jogador vai subindo com esse sentido de pertencimento à instituição – contou Lugano.

A produção do Nacional rendeu, neste time que disputa a Libertadores sub-20, nomes promissores. Um deles é o meia Sanabria, que já está vendido ao Atlético de Madrid. Além dele, se destacam o goleiro Israel, o meia Trasante e os atacantes Vecino e May.

Leia mais no GE


---------------


Cursos para horas complementares
Curso de Excel
São Paulo encara a “cantera inesgotável” do Nacional na Libertadores sub-20 São Paulo encara a “cantera inesgotável” do Nacional na Libertadores sub-20 Reviewed by Anderson Nascimento on 22:30:00 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.