quarta-feira, 7 de março de 2018

SPUrbanuss promove apresentação de música em homenagem ao Dia da Mulher


Em homenagem ao Dia da Mulher, o SPUrbanuss – Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo Urbano de Passageiros de São Paulo, com apoio da empresa Socicam e da gestora SPTrans, promoverá uma série de apresentações musicais do grupo Trovadores Urbanos, que serão realizadas em três terminais e uma linha de ônibus da cidade de São Paulo, em 08 de março.

Acústicos, os espetáculos têm duração de meia hora e contam com a participação de dois músicos, caracterizados com figurinos em referência à década de 1920. O repertório, entoado à voz e violão, engloba diversos clássicos da MPB, em especial, canções em tributo às mulheres.

Com itinerário que serve a região do aeroporto de Congonhas, a linha 609J-10 Metrô São Judas - Circular receberá duas ações especiais. A escolha foi simples, já que, na Linha Rosa, como é chamada pela empresa operadora Tupi Transportes, trabalham apenas mulheres. A partir das 8h haverá distribuição de rosas e, duas horas mais tarde, terá início a apresentação dos Trovadores Urbanos dentro dos ônibus.

Linha Rosa
Iniciada em fevereiro de 2016, a operação teve como objetivo principal aprimorar o atendimento aos usuários do transporte coletivo. A empresa operadora, associada ao SPUrbanuss, defende que a dedicação e o cuidado das mulheres são um diferencial. O gerente de operações da Tupi, Ernandes dos Santos, afirma que já registrou resultados positivos com a diminuição de reclamações e a queda no número de faltas.


Cidade de São Paulo
O sistema de transporte coletivo da cidade de São Paulo – sob responsabilidade da SPTrans – conta, atualmente, com cerca de 50 mil profissionais, entre motoristas e cobradores, além do pessoal administrativo e de manutenção. Desse total, cerca de 10%, ou seja, perto de 5.000 trabalhadores são mulheres que trabalham na operação, totalizando pouco mais de mil motoristas e quase quatro mil cobradoras.

Além disso, desde o dia 16 de dezembro de 2015, está em vigor a portaria 002/15, da Prefeitura de São Paulo, determinando que as empresas que operam serviços de transporte público na cidade reservem, no mínimo, 30% de vagas para mulheres.



---------------


Cursos para horas complementares
Curso de Excel
Disqus Comments